Pages

19 de abril de 2009

Cheguei à conclusão

que espero demasiado das pessoas e por fim acabo sempre desiludida.
Tento fazer sempre tudo pelo melhor, relacionar-me pelo lado mais positivo e quase nunca sou retríbuida. Volto a tentar, novamente tudo pelo melhor, e volta tudo ao mesmo!
Será de mim? É que não percebo...se calhar dou-me demais! Ou tenho um ar de parvinha que parece que nada me afecta? Mas afecta!! O que vejo, o que oiço, tudo!
Tenho uma noção de respeito muito formada, e nisso sou um pouco exigente com os outros...se calhar é isso...e acabo por ficar paranóica com certas coisas. Fico magoada com as pessoas por coisas simples (que eu não acho simples, mas se calhar alguém acha!)...basta me responderem mal ou falarem um pouco mais alto comigo que já não me cai bem, sou muito sensível nesse aspecto. Não gosto! Respeito começa por aí, por saber falar com os outros!
Complicado, não é? Eu sei. Por vezes nem eu me compreendo.

7 comentários:

disse...

Querida Mau Feitio, também eu sou assim. Fico com um nó no peito se falam comigo de uma forma que considero não merecer. Com atitudes, ainda pior...Eu entendo-te e não acho que seja defeito, antes uma virtude, porque, com certeza, esperas dos outros, aquilo que lhes dás.

Bom domingo!

Rapariga do Batom Vermelho disse...

Sou tal e qual...:(

Beijinho*

Kitty disse...

É por isso que eu seleciono muito bem as minhas amizades. Não sou daquelas pessoas que dizem ter milhentos amigos, antes pelo contrário, os meus amigos dão para contar pelos dedos de uma mão e ainda sobram dedos.

Mas compreendo o que dizes... também sou apologista de que "a minha liberdade termina onde a do próximo começa".

Se esse tipo de atitudes vierem de uma pessoa qualquer não me tocam minimamente, mas se vierem de um amigo, isso sim, magoa como gente grande.

Anjo De Cor disse...

Não és a única apensar de essa maneira, tb sou um pouco asim, apesar de eu acreditar que com idade mudamos, noto em mim que tenho mudado o que não quer dizer que seja para melhor... mas por vezes ficamos mais tolerantes e não fazemos caso a coisas que antigamente era quase uma tempestade ;)
Beijinhos e gostei do teu blog ;)

Hermione disse...

Porque as vezes achamos que merecemos um bocadinho mais do que aquilo que nos dão, já que nós também o damos. Deixamo-nos afectar porque somo seres sensíveis... ou porque sabemos ver as coisas.

Beijico

Anónimo disse...

Fiquei com um nó na cabeça heheh não há nada de errado contigo, és assim, é a tua personalidade, os outros têm de te aceitar como és... Não mudes nunca nada por ninguém.

Poetic GIRL - BELA disse...

Eu acho que o "defeito" é nosso, que nos damos demais e as outras pessoas não. Estou contantemente a levar "pontapés no traseiro" literalmente á conta de ser assim. Mas não adianta, volto a fazer o mesmo... enfim...