Pages

30 de outubro de 2009

A cama dos Pais.


Quem não gostava da caminha dos Pais?

Lembro-me que arranjava mil e uma coisas para ir lá parar.
Tinha um gostinho diferente, não sei...

Ainda a uns tempos atrás, ia-me dando o badagaio de noite, e a minha Mãe fez questão que dormisse com ela, com medo que voltasse a me dar o malzinho...foi das noites mais bem dormidas que tive.


Noto que os pequenos hoje em dia são a mesma coisa.
Digam o que disserem, mas tem um gostinho especial não é?
Um conforto, uma segurança que não há em mais lado nenhum...

Não acham?

11 comentários:

LionMaster disse...

Se tem um gosto especial...

Sabia pela vida.
Mesmo nos fins de semana levantar cedo e ir acordar os papás...

Beijinhossss

suspiro de baunilha disse...

Ainda à pouco tempo o fiz... e soube memo bem! ;)

Lia disse...

acho pois... trepar pela cama acima e enfiar-me no meio deles...ficar ali na brincadeira! E qd o meu irmão era bebé ia buscá-lo ao berço para irmos os 2...good old times...nostalgia....

Tita disse...

O melhor do mundo dormir na cama dos pais... Que diga o meu filho que dorme todas as noites comigo (shame on me!!!), mas que tb eu já nao passo sem ele (shame on me 20 vezes)
bjos querida

Andre Martin disse...

Penso que uma vez ou outra, deve ser permitido, é saudável.
Mas na medida do possível, deve ser evitado e desestimulado.
Os pais precisam preservar sua intimidade, que já perdem muito com a vinda dos filhos ao mundo. Sua cumplicidade se vê dividida, e por muitas vezes comprometida, com a constante presença dos filhos, e a atenção que lhes cabe.
Talvez o maior problema é que vira um hábito, a criança cresce e insiste neste subterfúgio e depois passa a competir (inconscientemente ou não) com um dos pais pela atenção exclusiva do outro.
Acho que muitos casamentos são desfeitos em parte pela peso que isto tem no relacionamento íntimo e a dois dos pais.

Miss Mau Feitio disse...

Caro André,

claro que estou a falar de uma excepção e não do hábito. Também acho que a intimidade dos Pais deve ser sempre preservada. Falo das excepções da minha vida e de como me fazia sentir bem...e acho que se o fizesse hoje teria sempre o mesmo "gostinho". Sentia-me segura.

Luísa disse...

Saudades desses tempos...

Flor disse...

Acho sim :)
Ainda hoje qd me custa dormir vou para a caminha da mãe :)...é um conforto tãooooo grande :)
Bom Fim d Semana...

Dina disse...

Acredita que tem um gosto muito especial. Em criança fazia de tudo para me enfiar lá. Ainda hoje de manhã acordo mais cedo e vou-me deitar ao pé do meu pai e ficamos lá a conversar...

Su disse...

Por acaso não sinto nada disso. Tenho uma vaga ideia de algumas vezes ir ter com os meus pais de manhã mas nunca regularmente. E ir dormir com a minha mãe agora??? naaaaaaa não me parece mesmo! Eu gosto mesmo é de dormir sozinha sem ninguém a ressonar á minha volta. Talvez seja o hábito de ter uma cama de casal, um quarto e uma casa de banho, só para mim desde que me lembro. Mas dormir para mim é mesmo sozinha. Esse conforto que falam na cama dos pais, essa protecção e saudade, eu sinto na minha cama! Se há coisa que tenho saudades quando viajo é da minha caminha :D

Olhos Dourados disse...

Eu nos fins-de-semana levantava-me e ia deitar-me na cama dos meus pais com o meu irmão! hehehe